Meu carrinho
0
Seu carrinho está vazio

Dicas

Como evitar assaduras durante os pedais? Confira nossas dicas!

Publicado em 05.05.2023 |
Visualizações
1.186 visualizações
Imagem do autor Equipe de Redação Savancini
Equipe de Redação Savancini
Redator da Savancini

Pedalar é uma atividade prazerosa oferecem diversos benefícios para a saúde, mas pode também trazer alguns desconfortos, como as assaduras. A fricção constante entre a pele e a roupa, somada à umidade e ao calor gerados pelo esforço físico, são fatores que favorecem o surgimento de irritações na região da virilha e das nádegas.

As assaduras no pedal podem ser muito incômodas e limitar a performance do ciclista, chegando até mesmo a prejudicar a sua saúde. Por isso, é importante saber como prevenir e tratar esse problema. Neste artigo, vamos falar sobre as principais causas das assaduras no pedal e dar dicas valiosas para evitar esse incômodo. Acompanhe!

Por que as assaduras acontecem?

As assaduras durante a prática de ciclismo podem ocorrer devido a vários fatores, incluindo fricção excessiva, umidade e atrito. O atrito ocorre quando a pele entra em contato com a roupa de ciclismo, o selim ou até mesmo com as pernas da própria pessoa, o que pode levar a uma irritação da pele.

Confira nossas opções de roupa de ciclismo feminina!

A umidade também pode ser um problema, já que o suor e a umidade podem causar irritação na pele e aumentar o atrito. Além disso, o uso de roupas de ciclismo que não são ajustadas corretamente ou são de materiais inadequados pode contribuir para a irritação e a formação de assaduras.

ciclismo

Foto: Pixabay

Quais são as grandes causas das assaduras no pedal?

As assaduras no pedal podem ser causadas por uma série de fatores, incluindo o atrito constante entre a pele e o selim, o uso de roupas inadequadas, a umidade excessiva na região, a falta de higiene, a falta de lubrificação e a permanência prolongada na bicicleta.

Além disso, outros fatores como a anatomia corporal individual, a falta de condicionamento físico, a posição inadequada na bike e a intensidade do exercício também podem contribuir para o surgimento de assaduras.

Quais os problemas que as assaduras geram em ciclistas?

As assaduras são problemas de pele que aparecem por conta de uma mistura de suor e a fricção da pele em partes não respiráveis, como a virilha.

E por conta dos sais que são liberados no suor, fazendo com que contribua mais ainda para que o líquido corporal vire uma espécie de lixa na pele, de acordo com os movimentos da pedalada.

Veja também as opções de roupas de ciclismo masculino!

Vermelhidões, coceira e sensação de queimação são comuns nas assaduras que os ciclistas sofre. E quando não são tratadas, elas viram lugares com muitas bactérias e fungos que vão se proliferando causando problemas na sua saúde.

Em situações que não são tratadas, as assaduras podem causar sangramentos e descamação. Fora esses problemas, as assaduras, ainda trazer um grande incômodo para as suas tarefas do dia a dia, ainda mais se você trabalha sentado.

Como prevenir as assaduras?

As assaduras são um problema comum para muitos ciclistas, mas há algumas medidas que podem ser tomadas para preveni-las. Algumas dicas incluem:

  1. Escolha a roupa adequada: Use roupas de ciclismo com acolchoamento na região genital, que ajudam a reduzir o atrito e o impacto sobre a pele durante o pedal.
  2. Use lubrificantes: Utilize cremes ou pomadas lubrificantes, como vaselina ou óleo de coco, nas áreas que costumam ficar em contato com o selim ou as roupas de ciclismo.
  3. Faça ajustes na bicicleta: Verifique se a altura do selim está correta e se o selim está nivelado. Um ajuste adequado pode ajudar a reduzir o atrito e o impacto sobre a pele.
  4. Mantenha a higiene: Mantenha a higiene adequada da região genital antes e depois do pedal. Lave bem a área e seque completamente antes de vestir as roupas de ciclismo.
  5. Evite roupas apertadas: Use roupas de ciclismo que não fiquem muito apertadas, pois isso pode aumentar o atrito e a pressão sobre a pele.
  6. Faça pausas regulares: Durante o pedal, faça pausas regulares para descansar e alongar os músculos. Isso pode ajudar a reduzir o atrito e o impacto sobre a pele.

Seguindo essas dicas, é possível prevenir as assaduras e aproveitar o pedal sem desconforto.

mulher andando bike

Foto: Pexels

Gostou?

Agora você já entendeu como evitar assaduras durante os pedais! E se você quer conhecer mais dicas para melhorar o seu desempenho e a sua performance nas suas pedaladas, acesse nosso Blog da Savancini e fique por dentro! Compartilhe esse conteúdo com seus amigos e ajude-os a escolher a melhor bicicleta para praticar o esporte!

Perguntas Frequentes

Quais são as principais causas das assaduras no pedal?

As principais causas de assaduras durante os pedais são fricção, umidade e calor excessivos. A fricção entre a pele e o selim da bicicleta pode causar irritações e lesões na pele. A umidade, seja do suor ou da roupa molhada, aumenta o atrito e a irritação na pele. Além disso, o calor excessivo na região pode agravar o problema.

Quais são os sintomas das assaduras no pedal?

Os sintomas mais comuns das assaduras no pedal incluem vermelhidão, inflamação, coceira, sensação de queimação, dor e até mesmo sangramento em casos mais graves.

Como prevenir as assaduras durante os pedais?

Para prevenir as assaduras durante os pedais, é importante escolher roupas adequadas e confortáveis para a prática do ciclismo, que permitam a evaporação do suor e reduzam a fricção na pele. Além disso, utilizar um creme ou pomada específica para assaduras pode ajudar a reduzir a irritação e proteger a pele. Manter a higiene e a hidratação da região também são medidas importantes para prevenir as assaduras.        

Ofertas Especiais

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.